fbpx

Dúvidas na escolha de sua lente da cirurgia de catarata?

Dúvidas na escolha da lente da cirurgia de catarata?

Com o avançar da idade o cristalino, lente natural do olho que permite visão em diferentes distâncias, vai perdendo sua transparência e aos poucos a visão vai ficando mais embaçada, podendo até mesmo levar a cegueira pelo surgimento da Catarata.

A cirurgia é o tratamento indicado, onde é retirada a catarata e implantada uma lente intraocular substituindo o cristalino opacificado.

Avanços tecnológicos têm tornado esse procedimento cada vez mais seguro e eficaz, uma vez que são realizados exames e cálculos antes da cirurgia que estimam a correção de problemas oculares prévios como: Miopia, Hipermetropia, Astigmatismo e Presbiopia, possibilitando a estes pacientes uma melhor qualidade visual de forma definitiva, livre de óculos após a cirurgia de Catarata com a correta escolha da lente.

Portanto, a escolha do tipo de lente intraocular é tão importante quanto a decisão em realizar a cirurgia de Catarata, já que a independência do óculos tem sido um desejo cada vez mais pretendido pelo paciente.

Existem várias possibilidades de lentes no mercado com diferentes tecnologias. São elas:

– Lente esférica: é uma lente mais simples que corrige apenas a visão de longe (miopia ou hipermetropia), mas que pelo seu formato, impede uma visão de maior qualidade porque não é capaz de corrigir aberrações ópticas.

– Lente asférica: é uma lente de alta tecnologia que permite corrigir aberrações ópticas porque não apresenta irregularidades na sua forma, melhorando significativamente o contraste de cores e visão noturna.

– Lentes monofocais: permitem a correção de apenas um foco (longe), sendo útil na miopia ou hipermetropia. No entanto, na presença de astigmatismo, este tipo de lente permite a associação de uma outra tecnologia, que são as lentes monofocais TÓRICAS, também consideradas lentes premium.

– Lentes multifocais: são lentes de alta tecnologia (lentes premium) que corrigem a visão de longe (miopia e hipermetropia), intermediária e de perto (presbiopia) proporcionando uma maior independência visual. Além disso, na presença de astigmatismo, estas lentes permitem combinar uma segunda tecnologia, que são as lentes multifocais TÓRICAS, permitindo também a correção do astigmatismo.

É importante salientar que a escolha da lente deve ser feita pelo médico oftalmologista junto com o paciente, após a análise de exames que avaliam estruturas oculares e as melhores opções de lente para o caso, considerando o perfil do paciente e o custo benefício.

Dúvidas sobre a cirurgia de Catarata e a melhor opção de lente intraocular para seu caso? Agende uma consulta e faça uma avaliação oftalmológica completa. A Catarata é uma doença que desperta muita curiosidade e preocupação nas pessoas. Saiba mais sobre a Catarata neste outro artigo.

Se precisar, conte sempre com o HO Tocantins.